04/03/2015 - Sopasta, Papel e Embalagem promove desenvolvimento de líderes

Sopasta, Papel e Embalagem promove desenvolvimento de líderes

Desde 2012, a Sopasta, empresa do segmento de papel e embalagens de papelão ondulado, localizada no município de Tangará, vem aprimorando o seu Programa de Desenvolvimento de Lideranças com o objetivo de proporcionar o aperfeiçoamento de competências.

Alinhada ao planejamento estratégico da Sopasta, a prática voltada ao desenvolvimento de líderes iniciou com a implantação da avaliação de desempenho individual e, desde então, tem sido aprimorada, para melhor atender às expectativas de seus colaboradores e do mercado de atuação. Atualmente o Programa envolve 33 trabalhadores, de todos os níveis de liderança da empresa.
No ano de 2013, o foco dos treinamentos foram os aspectos comportamentais do indivíduo, explorando assuntos como lealdade, missão pessoal e profissional. Já em 2014, foram abordadas questões relacionadas ao trabalho em equipe, comunicação, administração de mudanças, planejamento, execução e gestão de metas.
Nas capacitações, todas ministradas por consultores externos, as lideranças participam de aulas teóricas, exposição de casos vivenciais e dinâmicas, além de receberem vasto conteúdo de apoio.
“Os treinamentos já mostraram impacto positivo no desempenho das equipes, percebidos na produtividade e no clima organizacional. Acreditamos que investir na formação dos nossos líderes, além de proporcionar o aprimoramento de suas competências, é uma iniciativa que desenvolve também suas equipes e, como consequência, toda a organização”, explica Andréa Thomazoni, Gerente Administrativa da empresa.
Juntamente com o Programa de Desenvolvimento de Lideranças a Sopasta promove, desde 2014, um trabalho de coaching voltado à direção e gerências da empresa, visando o desenvolvimento de competências comportamentais, psicológicas e emocionais, com foco na conquista de objetivos e obtenção de resultados. “Em um mercado que está em constante mudança e cada vez mais competitivo, as empresas precisam de líderes que possam encarar os desafios da gestão. Desta forma, os Programas continuarão em 2015”, afirma Andréa Thomazoni.
« voltar