04/05/2018 - Educação maker vence desafio do Movimento SC pela Educação

Educação maker vence desafio do Movimento SC pela Educação

Confira a cobertura completa no Flickr da FIESC.
Assista ao vídeo da cobertura do evento.

Florianópolis, 4.5.2018 – Educação maker, escola empreendedora e consultoria para metodologias educativas foram as propostas vencedoras do desafio lançado pelo Movimento Santa Catarina pela Educação. As soluções foram defendidas por jovens catarinenses que querem aumentar o engajamento desse público com a causa da educação. Elas são resultados de dois dias de trabalho (3 e 4 de maio) do Workshop Conexão Jovem 2018. O evento reuniu mais de cem jovens de todo o Estado, na FIESC, em Florianópolis.

Rafaela Momm e Natália da Luz, jovens embaixadoras do Movimento, integraram a equipe que levou o primeiro lugar no desafio. A ideia era encontrar soluções para melhorar os indicadores de desempenho dos alunos. “Pensamos em alternativas que pudessem contribuir para o ensino de matemática e ciências. A gente pensou em alternativas para mudar o método de ensino. O melhor para aprender é na prática, com o aluno fazendo, por isso a educação maker se encaixa na nossa proposta”, explicou Natália.

Outra proposta vencedora foi a escola empreendedora. De acordo com a ideia da equipe, os alunos criariam empresas para desenvolver o espírito empreendedor. O projeto prevê orientação vocacionada aos estudantes por meio da atuação dos voluntários do Movimento. As atividades ocorreriam no contraturno da aula regular.

A terceira melhor solução prevê a oferta de consultoria para professores em novas metodologias educativas. A ideia é oferecer ferramentas para o docente tornar a aula mais dinâmica e reduzir a evasão escolar.

Durante o workshop, os jovens se dedicaram a criar soluções para o tema “Como engajar mais jovens catarinenses na causa da educação”. A metodologia usada para isso foi o Hackathon, uma maratona de desenvolvimento para encontrar soluções para problemas e desafios. Eles tiveram apoio de programadores, desenvolvedores, designers e especialistas da área educacional.

Os trabalhos foram apresentados na manhã desta sexta-feira (4) e julgados por profissionais do Sistema S.

Homenagem

O presidente da FIESC, Glauco José Côrte, foi homenageado pelos jovens embaixadores e recebeu o convite para também ser “jovem embaixador” da educação. Em 2015, foi Côrte quem convidou 32 jovens a integrar o projeto Conexão Jovem. “Essa sua convocação trouxe-nos a possibilidade de conhecer o projeto Conexão Jovem, uma real chance de impactar a vida das pessoas pela educação”, afirmou a embaixadora Julia Wernke, ao ler uma carta em homenagem ao presidente.

Emocionado, Côrte agradeceu a homenagem. “Esse número 33 vai me acompanhar ao longo da minha vida. Os jovens têm algo de profético, eles têm a capacidade de olhar muito mais longe do que nós, se expressar, se manifestar e agir”, comentou o presidente, fazendo menção ao livro Deus é Jovem, escrito pelo Papa Francisco e entregue a cada um dos embaixadores. “Eu tenho certeza de que os jovens vão manter esse Movimento vivo e atuante, continuando a prestar esse grande serviço à causa da educação. Apelamos aos jovens para que se mantenham firmes na luta pela qualidade da educação”, completou.


Assessoria de Imprensa
Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina
48 | 3231 4244
imprensa@fiesc.com.br

« voltar